Ambiental Desentupidora PDF Imprimir E-mail
Escrito por Bartho   
Sáb, 01 de Outubro de 2016 21:46

 

Você é o visitante nº contador

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO
ambiental praia grande

Eu já havia postado nas mensagens, mas repito aqui pra quem ainda não leu:

Pois é amigos. Eu acreditei até o final. Foram 68 dias de sufoco, mas o Sr. Sérgio devolveu o valor acrescido dos juros de poupança. Até um pouquinho a mais que está disponível pra ser devolvido pra ele.
Agradeço as manifestações de todos, mas alerto que - na minha opinião - as pessoas estão mudando os seus conceitos e as suas formas de agir. Além do mais nossos contatos se basearam em respeito (como pode ser visto nos prints do whats). Isso também fez a diferença. Mas, não é por isso que deixaremos de lado o nosso churrasco. A gente pode fazer sim e vai até ser mais bacana porque não estaremos comemorando algo ruim e sim muitas amizades novas. Um grande abraço a todos.

OBS: Sobre o churrasco (ideia dos leitores) podemos fazer sim, como já disse. Sem problemas. Mas alerto que não será mais para comemorar um 'golpe' porque como os senhores viram a empresa devolveu o valor e nada mais me deve, ok? Do valor que me foi devolvido vou separar 80 reais e aplicar na poupança até o dia do nosso encontro. Até lá deve chegar aos 90 reais. Então minha contribuição será 1 engradado de cerveja Itaipava.

*imagem disponibilizada na internet - fonte.

 

VALOR A SER DEVOLVIDO POR DESENTUPIDORA E DEDETIZADORA AMBIENTAL – PRAIA GRANDE / SP

* Serviço pago indevidamente em 10/08/2016 conforme documentos da prestadora. Foi realizada pesquisa de vazamento com equipamento profissional e o mesmo não foi detectado. O serviço é cobrado, segundo a empresa, da seguinte forma:

R$ 80,00 reais se não achar o vazamento (taxa de visita).

R$ 280,00 se encontrar o vazamento.

Ref: Serviço cobrado indevidamente. Valor pago: R$ 280,00. Valor a ser ressarcido R$ 200,00 com juros de poupança referente a 65 dias corridos – de 11/08/16 a 15/10/16 conforme entendimento verbal com Sr. Sergio em 29/09/16.

HISTÓRICO

Indevidamente eu paguei R$ 280,00 (tenho o documento feito pelo funcionário da empresa). Era pra eu pagar apenas R$ 80,00 uma vez que o vazamento não foi detectado. Eles retornaram aqui e fizeram mais uma tentativa, mas novamente não encontraram o vazamento. Me deram outro documento dizendo que "NÃO HÁ VAZAMENTO".

Contratei outro prestador que de imediato localizou o vazamento. Eu fotografei tudo (inclusive as etapas de conserto) e enviei para a Ambiental para provar que o vazamento realmente existia e que os profissionais deles não conseguiram localizá-lo. Eles me ofereceram outros 2 serviços para não ter que devolver os R$ 200,00 que paguei a mais:

- Lavar a caixa d'água ou

- Dedetizar a minha casa

Ocorre que tenho câncer e faço tratatamento em hospital e acompanhamento de pesquisa de saúde numa universidade em SP e essa oferece gratuitamente um produto que passo em casa e que funciona para afastar insetos e pragas urbanas. A caixa dágua é lavada por mim e nela também adiciono um outro produto purificador de água. Sendo assim tive que recusar tais ofertas. Depois de alguns dias de insistência da minha parte eles decidiram que devolveriam os R$ 200,00. O serviço foi prestado (sem sucesso) em 10/08/16. Do dia 18/08/16 até o dia 29/09/16 liguei inúmeras vezes (uma vez que eu já tinha enviado os números de 2 contas bancárias e jamais depositaram o valor) e eu nunca conseguia falar com o responsável: Sr. Sérgio. Eu sempre era atendido por outras pessoas que diziam que iriam dar o recado para ele. Numa das vezes uma mulher me atendeu e garantiu que depositaria o valor na 6ª feira seguinte, mas isso não foi feito. No dia 29/09/16 finalmente consegui falar com o Sr. Sérgio e ele disse que não tinha o valor, mas se comprometeu a devolvê-lo no dia 15/10/16. Eu solicitei o acréscimo de juros (muito justo) uma vez que paguei à vista e ainda porque sou vítima de administração mal feita que acarretou prejuízo financeiro a mim. Sou vítima de funcionários mal informados, que parecem não saber como a empresa funciona, pois os mesmos poderiam ter me alertado que eu deveria pagar apenas R$ 80,00.

O 'acordo verbal' (uma vez que o Sr. Sérgio não quis fazer um documento formal) ficou como descrito abaixo:

R$ 200,00 acrescido do Rendimento da Poupança em agosto/16 = 0,6629%/31 dias x 21 dias (de 11 a 31/08) = R$ 0,90

Subtotal = R$ 200,90

R$ 200,90 acrescido do rendimento da Poupança em setembro/16 = 0,7558% - 30 dias (de 1 a 30/09) = R$ 1,52

Subtotal = R$ 202,42

R$ 202,42 acrescido do rendimento da Poupança dos primeiros 15 dias de outubro/16 = 0,6583%/31 x 15 dias (de 1 a 15/10) = 0,3185% = R$ 0,65

Total a ser ressarcido em 15/10/16 = R$ 203,07

OBS: Como o depósito foi feito no dia 18/10 (o devedor perdeu direito da não correção sobre o sábado e o domingo - 15 e 16/10 + 18/10 ) houve acréscimo de juros sobre os dias 15,16,17 e 18. Sendo assim o valor final ficou em R$ 203,19.

O devedor depositou R$ 210,00 e por isso tem direito ao troco de R$ 6,81. Basta disponibilizar uma conta bancária para que receba o troco.

Diante da recusa do Sr. Sergio em enviar por escrito as informações sobre o compromisso acima descrito divulgarei o mesmo em grupos de redes sociais e também em página de site pessoal para o conhecimento de todos. Tornando de conhecimento público (como é de direito) aquilo que não tem documento que o formalize.

Local (site) onde os índices para essa base de cálculo foram pesquisados:

http://www.portalbrasil.net/2016/indices/indices_poupanca_diaria.htm

 

IMAGENS DA LOCALIZAÇÃO E CONSERTO DO VAZAMENTO ENCONTRADO PELA EMPRESA CONCORRENTE


1 2 3

4 5 6

7 8 9

101112

1314 15

 

IMAGENS DAS CONVERSAS DE NEGOCIAÇÃO VIA WHATSAPP

18/08/2016

whats whats whats

whats

19/08/2016

whats whats

whats

22/08/2016

whats whats

08/09/2016,  09/09/2016,  16/09/2016,  19/09/2016

whats whats whats

24/09/2016, 13/10/2016

whats whats whats

whats whats whats

whats whats

17/10/2016

whats

whats whats

18/10/2016

whats whats

COMPROVANTE DE DEPÓSITO EM CAIXA ELETRÔNICO (ATRAVÉS DE ENVELOPE)

comprovante de depósito

COMPROVAÇÃO DO CRÉDITO NA MINHA CONTA

extrato 18/10/2016

LEITORES INDIGNADOS (E CERTOS DE QUE O VALOR NÃO SERIA DEVOLVIDO) RESOLVEM ORGANIZAR CHURRASCO NA PRAIA PARA COMEMORAR O CALOTE ('SCAM') DEPOIS DE UM ANO

"NÃO" NIVER DO 'SCAM' 15/10/2017
NOME CIDADE VALOR COMIDA BEBIDA
SERGIO GUARUJÁ 200,00 --- ---
WALKIRIO ITANHAÉM --- --- 1 ENGRADADO ITAIPAVA 600 ML
DENISE GUARUJÁ 50,00 VINAGRETE ---
CARLOS CAMPINAS 40,00 MAIONESE 1 ENGRADADO DE SKOL 600 ML
DIEGO SÃO PAULO 30,00 --- 1 ENGRADADO DE BRAHMA 600 ML
MARILIA GUARUJÁ 30,00 VINAGRETE 2 GARRAFAS DE TEQUILA
JONAS PRAIA GRANDE --- 2 KG FRALDINHA ---
PEDRO PRAIA GRANDE --- 2 KG LINGUIÇA 1 GARRAFA DE VELHO BARREIRO
LUANA PRAIA GRANDE 50,00 --- ---
JULIO SÃO PAULO 20,00 1 KG LINGUIÇA 1 GARRAFA DE VELHO BARREIRO
TEREZA PRAIA GRANDE 10,00 1KG LIMÃO 1 GARRAFA DE VODKA
PAULO SÃO PAULO 30,00 3 KG AÇÚCAR 1 GARRAFA DE VODKA
PAULA PIAUÍ 15,00 2 KG CONTRAFILÉ ---
MARINA PRAIA GRANDE --- 3 KG CONTRAFILÉ 1 GARRAFA DE TEQUILA
DOIDINHO MONGAGUÁ --- 2 KG DE LINGUIÇA 2 GARRAFAS DE VELHO BARREIRO

MARIA PIVA

+ FILHO

SÃO VICENTE ---

1 KG DE LINGUIÇA

FAROFA DE TORRESMO

RAIMUNDO PRAIA GRANDE --- --- 1 ENGRADADO DE ITAIPAVA 600 ML
CARMEM SÃO VICENTE 20,00 2 KG CONTRAFILÉ 1 GARRAFA DE MARTINI

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar

Por favor, use de polidez em seu comentário. Não utilize palavras ofensivas ou palavrões e seja bem vindo(a).


Código de segurança
Atualizar