Login



Detectamos o seu IP

Você está conectado(a) a este site de: 54.198.246.116

Dali Clock

Itens Relacionados

Social Media Links

TwitterFacebook

Pessoas Online

Nós temos 118 visitantes e 8 membros online
  • redezrenn

Visitas

HOJE53
ONTEM274
NA SEMANA573
NO MÊS3145
TODAS309881
Powered by Kubik-Rubik.de

Siga-nos

Siga o Dica Quente no Twitter

Twitter

Doacoes


 
NOTA DE FALECIMENTO PDF Imprimir E-mail

Morre no Rio a "Fogueteira do Maracanã"

rosenery mello

Rosenery ficou famosa depois de lançar um sinalizador no Maracanã, durante um jogo entre Brasil e Chile, nas Eliminatórias da Copa de 90. Aos 24 minutos do segundo tempo, quando o Brasil já vencia por 1 a 0, ela disparou um sinalizador do tipo usado em embarcações. A chama caiu no gramado, próximo ao goleiro chileno Roberto Rojas, que teve que ser carregado para fora do campo, aparentemente ensanguentado.

Mais tarde foi constatado, por meio das imagens de TV e de fotografias, que os chilenos agiram de má-fé. O sinalizador não havia atingido o goleiro, que na verdade com uma lâmina escondida dentro da luva cortou o próprio supercílio. Exames constataram também que não havia indício de pólvora no ferimento.

Rosenery, que havia sido presa em flagrante, foi solta e ganhou uma certa fama, tendo posteriormente posado nua para "Playboy", em novembro de 1989.

Aos 45 anos de idade, Rosenery Mello do Nascimento, que ficou conhecida como a "fogueteira do Maracanã", teve morte cerebral após sofrer um aneurisma na madrugada de sábado (4).

De acordo com amigos, ela chegou a ser operada no Hospital Naval Marcílio Dias, no Rio de Janeiro, mas não resistiu. Seus órgãos serão doados pela família.

A "fogueteira" era mãe de três filhos, casada com um militar da marinha e moradora de Araruama, na região dos Lagos.

Fonte

 

Comentar

Por favor, use de polidez em seu comentário. Não utilize palavras ofensivas ou palavrões e seja bem vindo(a).


Código de segurança
Atualizar